Leite: benefícios, nutrientes e importância de consumir

Confira os Benefícios comprovados do leite

Bom para os ossos e dentes: O leite e seus derivados são muito importantes para a formação dos ossos e dentes na infância e adolescência e para a manutenção de ambos durante a vida adulta. Isto ocorre principalmente porque a bebida é rica em cálcio, nutriente essencial para a saúde dos ossos e dentes. Além disso, o alimento conta com a vitamina A, necessária para o crescimento e desenvolvimento dos ossos. A vitamina D também está presente no leite e ajuda a aumentar a absorção de cálcio pelo intestino, colabora na fixação deste mineral e do ferro nos ossos e nos dentes e ainda ajuda a impedir a perda da massa óssea.

Previne osteoporose: A osteoporose ocorre quando o corpo deixa de formar material ósseo novo suficiente, ou quando muito material dos ossos antigos é reabsorvido pelo corpo – em alguns casos, pode ocorrer as duas coisas. Se os ossos não estão se renovando como deveriam, ficam cada vez mais fracos e finos, sujeitos a fraturas.

O leite ajuda a prevenir esta doença por conter boas quantidades de cálcio e também por ter vitamina D. Isto porque a produção e manutenção de ossos e tecidos ósseos pode ser afetada quando não há cálcio suficiente para produzir o esqueleto e suprir toda a demanda do mineral do resto do corpo. Já a vitamina D é importante porque contribui para que o corpo absorva o cálcio. Assim, a ingestão insuficiente de cálcio ou a má absorção desse mineral pode ser uma das causas da osteoporose.

Ajuda a emagrecer: Um estudo feito na Universidade da Califórnia, Estados Unidos, e publicado no Journal of The American College of Nutrition observou que pessoas que consomem mais leite tem menor risco de desenvolver obesidade.

O leite ajuda na perda de peso – Foto: Getty Images

Os pesquisadores sugerem que o alto teor de cálcio presente no leite ajuda na perda de peso. Isto porque, segundo os autores, na falta de cálcio, há uma maior tendência para que as células reduzam a queima de seus estoques de gordura.

Outro mecanismo da ação do cálcio é baseado no fato deste nutriente ter o potencial de se ligar a molécula de gordura e, com isso, impedir sua absorção pelas células. É importante ressaltar que pessoas que buscam o emagrecimento devem optar pelas versões semi-desnatada ou desnatada.

Proporciona bem-estar: O leite conta com triptofano. Trata-se de um aminoácido que proporciona a sensação de calma e bem-estar. A substância relaxa os músculos e induz ao sono, por isso, tomar um copo de leite antes de dormir é uma ótima ideia.

Previne diabetes tipo 2: Estudos apontam que a redução do cálcio e da vitamina D no sangue aumentam o risco de desenvolvimento de diabetes tipo 2. Por isso, o consumo do leite, que é fonte de cálcio, e ainda possui vitamina D, é uma boa forma de prevenir esta doença.

A importância do leite na infância e adolescência

O consumo de leite é essencial no começo da vida. Isto porque a densidade óssea que a pessoa irá conseguir vai depender do quanto de cálcio será ingerido até os 20 anos de idade. Dos 0 aos 20 anos é o momento em que as pessoas precisam ingerir boas quantidades de cálcio. Caso o leite seja retirado da dieta sem ser substituído por outras fontes de cálcio as chances de osteoporose aumentam.

Quantidade recomendada de leite

Para suprir as necessidades diárias de cálcio, 1000 mg, a orientação é consumir três porções de lácteos por dia. É bom variar entre essas fontes, por isso, a pessoa pode ingerir, por exemplo, um copo de 200 ml de leite, uma fatia de queijo de 50 gramas e um iogurte.

A Organização Mundial da Saúde (OMS, em 2014) recomenda um consumo per capita de leite de 200 litros ao ano por habitante, cerca de 0,575 litros por dia, mas segundo dados colhidos pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA, 2014) o consumo per capita de leite no Brasil é de apenas 181 litros ao ano.

Para atingir a meta recomendada para OMS, o Brasil deveria produzir cerca de 43 bilhões de litros ao ano. Mas de acordo com o Anualpec 2014, o rebanho bovino produtor de leite no Brasil no ano de 2013 produziram aproximadamente 26 bilhões de litros de leite anualmente.

 

 

 

Fonte: www.minhavida.com.br