Cortes de carne suína: conheça os principais

A carne suína é a mais consumida no mundo, é muito versátil, nutritiva e pode agradar aos mais diferentes paladares.

São cortes macios, saborosos e suculentos, prontos para grelhar, cozinhar ou assar. Com ela, é possível preparar pratos práticos e muitos deliciosos: de um rápido sanduíche, como refeições diárias, até receitas mais elaboradas para surpreender a todos.

O seu preparo pode ser feito com temperos tradicionais e ou mais elaborados, como as combinações de ingredientes que resultam em sabores cítricos e agridoces.

Pensar nos acompanhamentos é mais simples do que você imagina. Combinam muito bem com legumes, farofas, frutas, massas, e vai muito bem com o nosso tradicional feijão com arroz.

Além de equilibrar sabor, praticidade, qualidade e custo-benefício, a carne suína ainda oferece uma extensa variedade de cortes. São mais de 20.

01. Bisteca

É um dos cortes mais populares. A bisteca vai muito bem com as refeições do dia a dia, pois é possível combiná-la com inúmeros acompanhamentos. Ela pode ser preparada grelhada, assada e frita. Empanada então, fica uma delícia! Conforme o corte ela ganha maciez, suculência e até outro nome: Prime Rib suíno. É assim que os americanos a chamam o corte, que é retirado do lombo central do suíno.

02. Copa Lombo

É um dos cortes mais ricos e versáteis do suíno. A peça é encontrada inteira, em tiras ou cubos e pode ter distintos preparos.

03. Coxão-duro

É uma peça derivada do lombo suíno e sua textura da carne torna o corte tão nobre quanto a alcatra. Pode ser fatiada de maneiras diferentes e oferece inúmeras alternativas de preparo.

04. Filé Mignon

Derivado do lombo, é macio, saboroso e combina com distintos acompanhamentos. Tem um excelente custo-benefício e pode ser encontrado em cortes como bife, medalhão e escalope.

05. Barriga

Também conhecida como Pancetta, é um corte de sabor marcante e muito versátil. No entanto, proporciona uma casquinha saborosa e crocante ao prepará-la no forno ou churrasqueira. Além de ser um corte suculento, é da Pancetta que se deriva talvez o corte mais queridinho: o bacon!

06.

O corte pode ser desossado depois de cozido. Faz parte dos ingredientes para preparar a clássica feijoada.

07. Suã

O corte é a sobre da retirada da costela e do lombo. A peça proporciona muito sabor quando cozida e faz sucesso nos pratos tradicionais de Minas Gerais, Goiás e parte do interior de São Paulo.

08. Pernil

Este famoso e suculento corte suíno inclui a alcatra, picanha, coxão duro, patinho, ossobucoe a maminha. Pode ser preparado inteiro, assado no forno ou churrasqueira, ou fatiado em escalopes ou cubinhos.

09. Fraldinha

A Fraldinha é um corte naturalmente suculento. É ideal para ser assada e, além do tempero tradicional, é possível recheá-la.

10. Lombo

Também chamado de lombinho, é um corte que completa os pratos leves das refeições do dia a dia e, claro, é um corte que não pode faltar no churrasco do fim de semana.

11. Ossobuco

É um corte macio retirado do pernil e fica com um sabor surpreendente ao ser cozido ou assado.

12. Costela

Os apaixonados por carne suína não resistem a esse corte. O preparo da costela exige mais atenção para manter a suculência. Pode ser marinada ou feita com tempero secos.

13. Maminha

É outro corte suíno retirado do pernil perfeito para combinar com pratos leves ou com acompanhamentos mais eldorados. Pode ser preparado como bife na frigideira, no gril ou na churrasqueira.

14. Alcatra

É um corte suíno magro, suculento e macio derivado do pernil. É possível prepará-la de diversas maneiras, sendo indicada para as refeições práticas do dia a dia.

15. Picanha

Uma das peças mais saborosas, é um sub-corte da alcatra, pode ser temperado de várias formas e assado em forno ou churrasqueira.

16. Paleta

O corte pode ser encontrado com osso ou desossado. Seu preparo é versátil: cozido, assado na brasa, no forno ou ainda refogado. Assim, é simples de combiná-la com os pratos do dia a dia.

18. Rabo

Outro corte usado para proporcionar o sabor único da feijoada, tradicional prato brasileiro.

19. Papada

O corte é famoso pelo seu sabor marcante e deve prepará-lo cozido para obter uma textura macia ou ainda é possível fazer um bom torresmo com essa peça suína.

20. Joelho

O joelho suíno é um sub-corte do pernil, usado para acrescentar sabor na feijoada.

21. Orelha

A peça pode ser preparada cozidas ou fritas. Aqui no Brasil, é usada para enriquecer a tradicional e apetitosa feijoada.

22. T-Bone

O T-Bone é o contra filé e filé mignon suíno. Isso mesmo, porém ele é separado por um osso em formato de T. O corte também é conhecido mundialmente pela maciez e pelo sabor marcante. Pode ser preparado grelhado, no forno, no churrasco.

23. Prime Rib  

O corte é caracterizado por ter um osso e pelo seu sabor único.  Preparar na grelha e servir com um purê deixa o prato simplesmente espetacular.

24. Ribeye

O Ribeye é uma carne macia, derivado da costela, e fica ótimo preparado em frigideira ou grelha. Sem contar que seu tempero pode ser simples e é fácil de preparar.

25. Lombo Inglês

É um dos cortes mais magros da carne suína. O lombo inglês apresenta menos gordura que a carne de frango e oferece um preparo rápido e é de fácil combinação de acompanhamentos.

26. Carré

Neste corte é encontrado o lombo suíno e o suã. Seu sabor fica mais em evidência ao preparar a peça assada no forno, com papel alumínio, e regar a carne para preservar a suculência.

Foto: http://www.alegrafoods.com.br/