Conhecendo melhor as carnes: Costela bovina


A costela fica localizada nas laterais do boi, e é uma carne com muita gordura e extremamente saborosa, se você souber como prepará-la. No geral carnes próximas a partes móveis do animal são mais duras, pois trabalham muito junto aos músculos, e são menos gordurosas. A costela é o contrário, e esta gordura é que a torna tão gostosa. Da mesma forma, se a carne não for muito bem assada, pode ficar muito dura e difícil de engolir. Os gaúchos deixam a costela de chão assando em fogo indireto por mais de 8 horas, para que ela praticamente descole do osso sozinha, e Meu Deus do Céu, que coisa gostosa!

Agora é só assar. Lembrando que cortes mais duros levam mais tempo para ficarem prontos, e os mais moles saem mais rápido. E não adianta aumentar o fogo, isso só faz torrar a parte externa enquanto a interna seca e perde o suco, e mesmo assim continua dura.

Dependendo de cada corte, você pode preparar de uma maneira. O assado de tira pode ser grelhado, bem próximo do fogo por minutos, enquanto a costela propriamente dita deve ficar em um espeto acima de 50 cm do fogo, com os ossos virados para as chamas, durante horas.

Se você é tradicionalista não vai querer sair do básico na hora de temperar. Sal. Só isso. E grosso. Quinze minutos antes de colocar a carne no fogo, passe o sal grosso por todos os lados (no osso não precisa) e fogo. Existem sim diversas outras maneiras de temperar, mas esta é a unanimidade no quesito costela. Tempere com sal grosso e pronto.

Fonte: https://blog.centraldaslareiras.com.br/