5 tendências para o setor de eventos em 2018

Fique de olho nessas dicas!

1. Crowd streaming

O crowd streaming é uma tendência que vem forte na transmissão ao vivo de eventos para 2018. O acompanhamento em tempo real pela rede se fortaleceu nos últimos anos e atualmente é um pré-requisito para grandes eventos.

Uma de suas vantagens é a possibilidade de potencialização de alcance do público. Se os espaços físicos possuem uma limitação relacionada à lotação, o mesmo não se aplica às transmissões online.

O crowd streaming é conhecido como a transmissão que, na verdade, é realizada pelo público e pode ser feita como uma estratégia de marketing, a fim de trazer novas pessoas para seus eventos futuros por meio do material transmitido em tempo real pelos participantes.

Por exemplo, atualmente, pode-se reunir no Facebook os diversos vídeos produzidos e transmitidos em um mesmo stories, de forma que, quem esteja em casa possa acompanhar em tempo real em um único lugar. Isso é bem interessante e, quando bem trabalhado, funciona como uma ótima ferramenta de divulgação.

2. Palestrantes em holograma

A tecnologia de holograma — que tanto encantou pessoas em shows especiais de artistas que já haviam falecido — hoje está mais acessível aos produtores de eventos, de forma que isso pode ser explorado adequadamente para tornar seu evento inesquecível.

Por exemplo, se uma referência internacional na área de tecnologia não pode comparecer a um congresso sobre essa área, ou caso os custos para trazê-lo sejam demasiadamente altos, pode-se utilizar a participação por holograma como uma forma de não perder a sua palestra e, ainda, conseguir uma sensação de proximidade maior com seu público.

3. Projeção mapeada

Você já deve ter visto diversos vídeos nos quais empresas realizam projeções em fachadas de prédios ou paredes, não é mesmo? Essa tecnologia é chamada de “projeção mapeada” e está em alta principalmente após seu uso nas Olimpíadas do Rio de Janeiro em 2016.

Por meio dessa experiência, pode-se captar a atenção do seu público de forma diferenciada, de acordo com o estilo e padrão do evento que se está produzindo.

Por exemplo, caso esteja preparando uma festa em um ambiente aberto, que tal utilizar as animações nas estruturas para trazer uma sensação diferenciada para seu público? Temos certeza de que, se bem explorada, essa tendência pode trazer resultados surpreendentes.

4. Foco na experiência do participante

Essa é uma tendência que veio forte em 2017 e que é pré-requisito básico para qualquer produção em 2018. O participante deve estar sempre em foco e, principalmente, sua experiência deve ser diferenciada, única e inesquecível.

Isso deve ser aplicado nos mais diferentes tipos de eventos. Até mesmo os considerados mais “fechados”, como os corporativos, devem seguir essa tendência, logicamente, de forma equilibrada. Isso pode ser feito por meio das tendências das quais falamos anteriormente, como, por exemplo, a projeção mapeada, palestrante holograma, brindes digitais, realidade aumentada, entre outros.

5. Ações de wellness

Ações que ajudem a zelar pela saúde e bem-estar dos participantes também estarão em alta em 2018. Tenha momentos durante o dia em que seu público terá a oportunidade de parar a correria do dia a dia e cuidar de si.

Isso pode ser feito mediante coaching motivacional, sessões de massagem, meditação guiada, yoga, entre outros. Isso também perpassa a escolha do local (como, por exemplo, locais externos) e até mesmo o tipo de alimento que será oferecido a todos.

Estar atento às tendências para o setor de eventos em 2018 é fundamental para tornar suas produções impecáveis.

 

 

Fonte: lets.events